Assistente Social indica… O Serviço Social na história e o Ensino em EAD

Nessa seção, são indicados livros importantes para o Serviço Social. Hoje os destaques são: o livro "Serviço Social na História: América Latina, Africa e Europa" e o e-book "O Ensino à Distância na Formação em Serviço Social: análise de uma década".
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Assistente Social indica… livros é o espaço para o/a profissional destacar livros/ebooks na sua área de atuação e/ou de discussão e que considera necessários para um aprofundamento teórico e ético político profissional.

Esta semana, a convidada é a assistente social e docente Perla Cristina da Costa S. do Carmo, especialista em Formulação e Gestão de Políticas Públicas em Seguridade Social (UFRJ) e em Serviço Social: Direitos Sociais e Competências Profissionais (UNB), mestre em Serviço Social PUC/RJ e doutora em Serviço Social PUC/SP.

Nesta semana, Perla indica o livro “Serviço Social na História: América Latina, Africa e Europa” e o e-book “O Ensino à Distância na Formação em Serviço Social: análise de uma década”.

Estes livros se complementam no conhecimento do Serviço Social. O primeiro aborda realidades existentes em diferentes continentes acerca da profissão e o segundo analisa a política do Ensino à Distância (EAD) e a formação dos estudantes de Serviço Social através desta modalidade do Ensino.


A primeira indicação é uma coletânea organizada pelas professoras Marilda Iamamoto e Maria Carmelita Yazbek que certamente assumirá um lugar de destaque nas bibliotecas e nas mesas de trabalho de assistentes sociais e docentes do Serviço Social, e se tornará leitura obrigatória de todos que desejam conhecer mais profundamente o Serviço Social no mundo.

Primeiro, porque oferece uma rara possibilidade de acesso a produções de difícil alcance aos países abaixo da linha do Equador, já que são quase inexistentes as publicações brasileiras ou traduzidas que retratem o Serviço Social em países da Europa, África e mesmo de outros países da América Latina.

Segundo, porque finalmente, contribui para preencher uma lacuna no diálogo e interlocução do Serviço Social brasileiro com docentes e profissionais de países de vários continentes.

E terceiro, e mais importante, porque ao nos oferecer um panorama da diversidade do Serviço Social no mundo, revela que a pluralidade de formatos forjada nas condições históricas de cada país assenta-se nas particularidades dos processos de (re)produção do capital e da questão social.

Segundo nossa convidada, profª Perla, este livro é importante porque vem trazendo uma coletânia de artigos não só de autores brasileiros, mas de autores da América Latina sobre o Serviço Social. Em decorrência, tem uma grande contribuição nisso por conta da leitura ampla, não só o Serviço Social brasileiro, mas também o latino.

Link para o livro: Clique aqui


Veja também: Assistente Social indica… as mudanças no capitalismo e seu impacto para a classe trabalhadora

Veja também: Assistente Social indica… Livros


A segunda indicação é um e-book em forma de coletânea que tem como eixo temático a análise do ensino superior brasileiro e a formação profissional em Serviço Social. Reunindo pesquisadoras das áreas de Educação e Serviço Social.

As organizadores destacam que as análises buscaram apreender a lógica de mercantilização que atravessa o ensino superior brasileiro e por quê o EaD vem sendo utilizado de forma progressiva, especialmente no setor privado. É fundamental salientar que não se trata de uma crítica, portanto, à modalidade de ensino em si e muito menos aos sujeitos trabalhadores que a compõem (docentes, tutores e discentes), mas como esta vem sendo utilizada para ampliar lucros e debilitar o processo formativo de inúmeros (futuros) profissionais.

Esse ebook é importantíssimo, ainda mais no momento atual que estamos vivendo, ele apresenta um panorama do EAD. O livro pelas duas autoras é bom porque traz um mapeamento de como o EAD VEM crescendo e se configurando.

Porém, apesar de fazer uma crítica severa a esse ensino, uma coisa que não é o livro não faz é não apontar um caminho. E é um ponto a ser destacado, uma vez que por causa da pandemia, o EAD não tem como voltar atrás, tem que ser pensado novas formas de enfrentamento disto.

E ele é interessante porque tem contribuições de autores não só do Serviço Social, mas tem contribuições de outros autores, principalmente da educação que vem apresentando esse panorama do EAD.

Link para o livro: Clique aqui

Deixe seu comentário:

redacao@sesonoticias.com.br

Sugestão de pauta

Assuntos Relacionados

Veja também

Siga nosso Telegram

Acompanhe notícias do Serviço Social de todo o Brasil.